peça teatro delegado tobias
Estou sendo acusado de ter falsificado um documento que eu inventei e que está numa obra literária minha
Em 3 de agosto de 2016 | 0 Comentários

Autor de Delegado Tobias é investigado por falsificação de documento

A série em cinco volumes Delegado Tobias tornou-se objeto de um inquérito policial a pedido do Ministério Público Federal, movido por uma denúncia anônima. O autor dos e-books, que costuma jogar com os conceitos de realidade e ficção em sua obra, está sendo investigado por falsificação de documento público dentro de uma obra de ficção e foi intimado a depor sobre o caso na Polícia Federal em outubro de 2015. O caso foi noticiado pelos jornais Folha de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e pelo site da revista Veja.

“Parece que estou sendo acusado de ter falsificado um documento que eu inventei e que está numa obra literária minha, o Delegado Tobias“, explica o autor ao site vice.com.

O fato ainda inspirou a criação da peça teatral “Vou, com meu advogado, depor sobre o Delegado Tobias”, encenado no Sesc Ipiranga em maio último, pelo próprio escritor fazendo o papel de Ricardo Lísias.

Ricardo Lísias é escritor, professor e crítico literário. Formado em Letras, foi um dos vinte autores selecionados para a edição da prestigiosa revista inglesa Granta que apresentou Os melhores jovens escritores brasileiros. Foi finalista do Prêmio Jabuti de 2008 com Anna O. e outras novelas e do Prêmio São Paulo de Literatura em 2010 com O livro dos mandarins.

Além da série Delegado Tobias, Lísias publicou pela e-galáxia: os livros Intervenções e Fisiologia da Idade, e, em parceria com a e-galáxia, edita bimestralmente a revista de ensaios Peixe-elétrico.

Foto: divulgação

GANHE CONSULTORIA banner