img-book
ISBN: 9788584742820

Esse Aires

de Abel Barros Baptista, Amândio Reis, Ariadne Nunes,

Este volume do selo Peixe-elétrico Ensaios é todo dedicado ao romance Memorial de Aires, de Machado de Assis. São ao todo sete ensaios, mais o posfácio assinado por Hélio de Seixas Guimarães, fruto de um encontro de críticos e pesquisadores reunidos em Lisboa, no ano de 2017.

1. Abel Barros Baptista e Clara Rowland – I can not, etc.

2. Humberto Brito – A expressão sem nome

3. Joana Matos Frias – Das negativas: preterição e ventriloquacidade no estilo-Aires

4. Amândio Reis – Viver é um ofício cansativo: biografia, escrita e apagamento em Memorial de Aires

5. Ariadne Nunes – Pare no D

6. Luciana Schoeps – O autor defunto Aires e as rasuras do manuscrito de Esaú e Jacob: postura enunciativa, narrador e imagem autoral

7. Pedro Meira Monteiro – Minados pelo tempo: sujeito e vontade no Memorial de Aires

Posfácio: Sobre restos, rasuras, elipses et cetera (Hélio de Seixas Guimarães)

R$ 19,90

Ocultar
Este volume do selo Peixe-elétrico Ensaios é todo dedicado ao romance Memorial de Aires, de Machado de Assis. São ao todo sete ensaios, mais o posfácio assinado por Hélio de Seixas Guimarães, fruto de um encontro de críticos e pesquisadores reunidos em Lisboa, no ano de 2017. 1. Abel Barros Baptista e Clara Rowland – I can not, etc. 2. Humberto Brito – A expressão sem nome 3. Joana Matos Frias – Das negativas: preterição e ventriloquacidade no estilo-Aires 4. Amândio Reis – Viver é um ofício cansativo: biografia, escrita e apagamento em Memorial de Aires 5. Ariadne Nunes – Pare no D 6. Luciana Schoeps – O autor defunto Aires e as rasuras do manuscrito de Esaú e Jacob: postura enunciativa, narrador e imagem autoral 7. Pedro Meira Monteiro – Minados pelo tempo: sujeito e vontade no Memorial de Aires Posfácio: Sobre restos, rasuras, elipses et cetera (Hélio de Seixas Guimarães)

ISBN: 9788584742820
Selo: Peixe-elétrico Ensaios
Data de publicação: 2020
Páginas: 130
Organizador: Abel Barros Baptista, Clara Rowlan e Pedro Meira Monteiro

“Esse Aires”

Ainda não há avaliações de leitores para este título.